Mormon Newsroom
Comunicado de Imprensa

Ensinamentos do presidente Nelson na conferência geral de outubro: permitir que Deus prevaleça, abraçar o futuro, viver ‘um novo normal’

"Deus não ama uma raça acima de outra", disse o Presidente Nelson

Seguir em frente, abraçar o futuro com fé, enxergar tempos turbulentos como oportunidades de florescer espiritualmente e escolher permitir que Deus prevaleça em nossa vida. Essas foram algumas das principais mensagens compartilhadas pelo presidente Russell M. Nelson durante a 190ª conferência geral semestral de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Embora o presidente Nelson tenha expressado alegria pela oportunidade e capacidade de nos reunirmos virtualmente para assistir à conferência, ele também expressou tristeza por todos os que foram afetados pela contínua pandemia da Covid-19, por desastres naturais e outras adversidades.

“Em meio a tudo isso, nosso Pai Celestial e Seu Filho, Jesus Cristo, nos amam! Eles Se importam conosco”, disse ele. “Tanto Eles quanto Seus anjos sagrados estão cuidando de nós.”

O presidente Nelson acrescentou que, apesar da agitação atual no mundo, podemos olhar para o futuro com alegria à medida que nos voltarmos para nosso Salvador Jesus Cristo.

“Não percamos tempo com as memórias do passado. A coligação de Israel segue adiante. O Senhor Jesus Cristo dirige os assuntos de Sua Igreja, e ela alcançará seus propósitos divinos.”

Präsident Russell M. Nelson spricht während der Versammlung am Sonntagvormittag der Herbst-Generalkonferenz 2020.
Ao longo de toda essa #ConferênciaGeral, imaginei vocês em minha mente ouvindo a conferência. Pedi ao Senhor que me ajudasse a compreender o que vocês estão sentindo, o que os está preocupando ou o que estão tentando solucionar. Sinto que, a despeito da comoção mundial, o Senhor deseja que “olhemos para o futuro com uma expectativa alegre”. Não percamos tempo com as memórias do passado. A coligação de Israel segue adiante. O Senhor Jesus Cristo dirige os assuntos de Sua Igreja, e ela alcançará seus propósitos divinos. Hoje frequentemente ouvimos sobre “um novo normal”. Se querem realmente aceitar “um novo normal”, eu os convido a cada vez mais voltar o coração, a mente e a alma para nosso Pai Celestial e Seu Filho, Jesus Cristo. Que esse seja seu “novo normal”. Aceitem “seu novo normal” arrependendo-se diariamente. Busquem ser cada vez mais puros em pensamentos, palavras e ações. Ministrem a outras pessoas. Mantenham uma perspectiva eterna. Magnifiquem seu chamado. E, quaisquer que sejam seus desafios, queridos irmãos e irmãs, vivam cada dia de maneira a estarem mais preparados para encontrar seu Criador. Agora, se desejarem, convido-os a enviar um comentário para mim. Ao encerrarmos esta conferência, o que vocês farão para aceitar um “novo normal” — voltar seu coração, sua mente e alma a nosso Pai Celestial e a Seu Filho, Jesus Cristo?2020 by Intellectual Reserve, Inc. Alle Rechte vorbehalten.
      

Vocês estão dispostos a permitir que Deus prevaleça em sua vida?

Durante a sessão da manhã de domingo da conferência, o presidente Nelson ensinou a respeito da coligação de Israel e de como ela se relaciona à nossa disposição de permitir que Deus seja a influência mais importante em nossa vida.

“O único meio de sobreviver espiritualmente é estarmos determinados a permitir que Deus prevaleça em nossa vida, aprendermos a ouvir Sua voz e usarmos nossa energia para ajudar a coligar Israel”, disse ele.

Durante o discurso, o presidente Nelson reiterou que Deus ama todos os Seus filhos e enfatizou que o racismo em A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias não pode ser tolerado.

“Asseguro-lhe que a sua posição perante Deus não é determinada pela cor da sua pele. Os favores de Deus dependem de sua devoção a Ele e aos Seus mandamentos, e não da cor da sua pele".

Após o presidente Nelson ter ensinado os membros a visualizarem a si mesmos participando da coligação dos filhos de Deus que está acontecendo neste exato momento, ele fez este convite profético:

“Ao estudar as escrituras durante os próximos seis meses, incentivo-os a fazer uma lista de tudo o que o Senhor prometeu que faria por Israel do convênio... Reflitam sobre essas promessas. Conversem sobre elas em família e com amigos. Depois vivam de acordo com elas e vejam como elas estão sendo cumpridas em sua vida.”

Abraçar o futuro com fé

Ao falar durante a sessão geral das mulheres para mulheres e moças a partir de onze anos de idade, o presidente Nelson expressou seu amor e sua gratidão por tudo o que elas têm feito para ser heroínas todos os dias durante esses momentos difíceis. Ele também as lembrou da promessa do Senhor de que “se estiverdes preparados, não temereis” (Doutrina e Convênios 38:30) e as exortou a agir de modo a estarem mais preparadas material, espiritual e emocionalmente.

Ele compartilhou três princípios para considerarmos:

  1. Criar lugares de defesa
  2. Preparar seu espírito para ser fiel a Deus
  3. Nunca parar de se preparar

O presidente Nelson ensinou: “Nossa maior segurança vem de nos ligarmos ao Pai Celestial e a Jesus Cristo! A vida sem Deus é uma vida cheia de temor. A vida com Deus é uma vida repleta de paz”.

Viver ‘um novo normal’

Em seu discurso de encerramento na tarde de domingo, o presidente Nelson reconheceu que no mundo de hoje frequentemente ouvimos o termo “novo normal”. Mas ele convidou os discípulos de Jesus Cristo a aceitar “um novo normal” que inclui voltar o coração a Deus, arrepender-se diariamente, ministrar às pessoas e servi-las, manter uma perspectiva eterna e viver cada dia a fim de estar mais bem preparados para encontrar Deus.

O presidente Nelson anunciou planos de construção de seis novos templos antes de encerrar a conferência com esta bênção de paz:

“Eu os abençoo para que estejam repletos da paz do Senhor Jesus Cristo. Sua paz está além da compreensão mortal. Eu os abençoo com um desejo e uma capacidade maiores de obediência às leis de Deus.” Ele prosseguiu: “Prometo que, ao assim fazerem, bênçãos serão derramadas sobre vocês, incluindo mais coragem, mais revelação pessoal, mais harmonia em seu lar e alegria mesmo em meio à incerteza”.

Observação de Guia de Estilo:Em reportagens ou notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, por favor utilize o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome da Igreja, procure on-line pelo nosso Guia de Estilo.